compartilhar:

Notícias

Empregado deve receber pelas horas de deslocamento em viagens de treinamento

O empregado deve ser remunerado pelas horas gastas em cursos, tanto as relativas à presença como as de deslocamentos. O entendimento é da 5ª Câmara do TRT-SC. Para os desembargadores, mesmo que isso reverta em qualificação profissional, é tempo à disposição da empresa e de atividade realizada sob o seu poder diretivo e fiscalizatório.

 O pedido de um vendedor da Casas Pernambucanas tramita na 3ª Vara do Trabalho de São José, onde havia sido negado. O autor alega que nunca recebeu o pagamento de horas extras pelas viagens de treinamento, cujo deslocamento acontecia fora do horário de expediente.

 Para os membros da Câmara, nesse tempo ele estava prestando serviço à empregadora porque cumpria uma determinação. "Ainda que referidos cursos fossem agregados à sua qualificação profissional, o autor não tinha opção de participar ou não, pois advinha de determinação patronal e revertiam em favor dessa", diz o acórdão.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social - TRT-SC


VEJA MAIS

OUTRAS NOTÍCIAS

REFORMA DA PREVIDÊNCIA: DÉFICIT OU SUPERÁVIT?

Embora não sejam divulgados os números do déficit de forma detalhada, maior fundamento daqueles que defendem...

APOSENTADORIA ESPECIAL

É uma espécie de aposentadoria por tempo de contribuição em que há redução do tempo de trabalho necessário...

A IMPORTÂNCIA DE SE REINVENTAR

O escritório Lima Advogados atua há 37 anos em favor dos direitos dos propagandistas-vendedores do Estado Rio...

Consulta Processual

Consulte Aqui Seu Processo